Comunicação Social do MPPR

Institucional

22/03/2012

22/03/2012 - PATRIMÔNIO PÚBLICO - MP-PR inaugura amanhã Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro

Instalação da unidade foi viabilizada a partir de convênio firmado entre o Ministério Público do Paraná e o Ministério da Justiça

Nesta sexta-feira, 23 de março, às 17h, será inaugurado o primeiro Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro (LAB-LD) do Paraná. A unidade será instalada no Ministério Público do Paraná e estará integrada ao conjunto de equipamentos do MP-PR para o combate à corrupção e à criminalidade organizada. O laboratório é fruto de convênio firmado entre a instituição e o Ministério da Justiça. Com a unidade paranaense, serão 15 laboratórios em todo país, distribuídos em oito Estados brasileiros. O LAB-LD é um centro difusor de técnicas e serviços para a produção de informações voltadas à investigação e persecução de crimes que implicam em desvio de dinheiro.

"Os promotores de Justiça que atuam no combate aos crimes contra o Patrimônio Público e à criminalidade organizada ganham uma importante ferramenta com a instalação dessa unidade especializada em tecnologia", afirma o procurador-geral de Justiça Olympio de Sá Sotto Maior Neto, responsável pela viabilização do convênio junto ao Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI) do Ministério da Justiça.

A equipe que atuará no laboratório passou por treinamento específico oferecido pelo DRCI. A unidade conta com equipamentos de ponta e sistemas de software e hardware específicos para rastreamento de divisas e cruzamento de dados para o mapeamento e rastreio de quadrilhas. "O Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro tem capacidade para análise de grande quantidade de informações usando alta tecnologia. A junção desta tecnologia, com equipe especializada e capacitação adequada cria uma poderosa ferramenta no combate a crimes complexos e torna o processamento das informações muito mais ágil à disposição do Ministério Público do Paraná", diz o procurador de Justiça Alfredo Nelson da Silva Baki, que vai coordenar o LAB-LD do Paraná.

Ação nacional - De acordo com o Ministério da Justiça, a implantação desses centros especializados de tecnologia é uma das ações estruturais da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro - ENCCLA, instituída em 2003, mesmo ano de criação do DRCI. A ENCCLA consiste na articulação de diversos órgãos dos três poderes da República, Ministérios Públicos e da sociedade civil para a prevenção e combate à corrupção e à lavagem de dinheiro no país. A criação dos laboratórios também está inserida no conjunto de ações no Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) para o enfrentamento à corrupção e ao crime organizado.


Informações para a imprensa com:
Assessoria de Comunicação
Ministério Público do Paraná
(41) 3250-4226 / 4228
Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem